Resenha de Show

Grave Digger: mantendo a tradição de bons shows no Brasil

O show em São Paulo fez parte da turnê mundial do álbum "The Living Dead"

Carlos Pupo/Headbangers News


O show em São Paulo fez parte da turnê mundial do álbum "The Living Dead"

No último dia 27 de abril o Carioca Club, em São Paulo, recebeu mais um show da banda alemã Grave Digger, a 11ª apresentação do grupo em palcos brasileiros.

A casa de shows não lotou, mas teve a presença dos fãs mais fervorosos que cantaram praticamente todo o setlist que continha clássicos e algumas músicas do novo álbum “The Living Dead”.
Aliás, os velhos clássicos do Grave Digger são infalíveis, invariavelmente fazem o público agitar e pular. E foi um desfile de hits que a banda cultiva com tanta competência como “Rebellion”, ”
The Dark of the Sun”, “Heavy Metal Breakdown”, “Highland Farewell” e
“Lionheart”.

“Fear of The Living Dead”, música do novo álbum, foi a escolhida para abrir o setlist, lançamento que já comentamos anteriormente em nossa resenha de discos. Os riffs desta música realmente me atraíram muito e a performance ao vivo de Axel “Ironfinger” Ritt é um show à parte. Endiabrado com a guitarra, em alguns momentos chegou a deitar no chão para executar os solos arrancando aplausos.

Os coros não faltaram, puxados por Chris Boltendahl de forma já peculiar. Sua voz permanece imutável ao longo dos anos e sempre com aquele timbre característico que dá energia a um dos grupos que melhor representa o tradicional heavy metal alemão. O acompanhamento do baterista Marcus Kniep e do baixista Jens Becker faz com que tudo flua com perfeição e maestria, numa das bandas mais divertidas de se ver ao vivo.


Carioca Club

Data: 27/04/19

Horário: 19h00

Rua Cardeal Arcoverde, 2899 - Pinheiros