Resenha de Show

Phil X : ‘Se você quiser viver de um instrumento, faça dele a sua vida’

Essa foi uma das frases mais corretas proferidas ontem (30/09), por Phil X, guitarrista do Bon Jovi e The Drills, em sua “Guitar Clinic”, realizada pela OnStage Agência, no Teatro Prudential, no bairro da Glória, no Rio de Janeiro.
Mesmo uma noite depois de sua apresentação com Jon Bon Jovi, no clássico Rock In Rio, Phil X ministrou por mais ou menos duas horas, uma incrível aula de guitarra, falando sobre sua carreira, as dicas para compor ou mesmo como ele curte compor.
Mas vamos lá, infelizmente cheguei um pouco depois da “aula” ter se iniciado, mas ao chegar, vi um Phil solto em palco, respondendo a uma pergunta, simpático e brincalhão e logo a próxima pergunta era de um menino na primeira fileira, pedindo um autógrafo e uma palheta, que prontamente foi atendido com o autógrafo. Ele estava sem palhetas.
Mas a noite de ontem foi basicamente essa, perguntas de fãs, guitarristas e um guitarrista simpático e bem humorado as respondendo. Pincei uma das respostas mais incríveis, quando ele foi perguntado sobre como chegou ao nível em que estava e ele foi direto: prática e prática.
Em um momento, ele foi perguntado sobre o equipamento que ele usa nas tours, ele mesmo falou que não é muito dos pedais e coisas do tipo, mas pro Bom Jovi ele sempre tem um “WahWah” pra tocar Keep The Faith, o clássico TalkBox e um Chorus, pra Bed Of Roses. Uma coisa interessante, da parte de equipamento, é que uma senhora perguntou sobre o TalkBox e ele explicou o funcionamento do equipamento (dispositivo utilizado para dar um efeito similar a voz em instrumentos musicais), que o criador dele conseguia falar mesmo usando o dispositivo. Já o Phil, usa somente para “wow wow”. Rsrs.
Chegando no final do evento, ele comentou a sua atitude em palco. Com o The Drills, ele entra em palco com aquele sentimento de que vai detonar, encarando todo mundo e falando: eu vou detonar você, eu vou detonar você, em uma alusão a apresentar sempre o melhor. Já no Bon Jovi, se errar alguma coisa em uma música rápida pode passar desapercebido. Mas, se ele errar algo como Wanted Dead Or Alive (nesse momento ele começa a tocar a música) e fica repetindo: seu eu errar isso, f**** e eu estou f******, se eu errar isso f***** e eu estou F*****. Obviamente todos do auditório riram. Foi incrível.
Finalizando a apresentação, Phil fez um mashup com alguns solos de guitarra que ele mais curte, com trechos de acordes do Queen, Michael Jackson, AC/DC e outros.
Para todos os guitarristas ali, tenho certeza que foi uma noite muito proveitosa, um workshop com um ser humano incrivelmente simpático e que, depois do evento, ainda recebeu a todos. Fui um deles, feita com a mesma calma e simpatia já demonstrada no palco.
Quero agradecer a OnStage Agência pelo incrível evento e pela confiança em nosso trabalho. E o Teatro Prudential foi com certeza a melhor escolha para sediar o encontro.


Teatro Prudential

Data: 30/09/19

Horário: 19h40

R. do Russel, 804 - Glória