Notícias

Broken & Boned oficializa André Cecim como novo baterista

André Cecim (ex-Anubis) assume as baquetas no lugar de Carlos Cerqueira

Divulgação


André Cecim (ex-Anubis) assume as baquetas no lugar de Carlos Cerqueira

Com o lançamento de “Hypocrisy Hymns”, primeiro álbum da Broken & Boned lançado em janeiro de 2018, a banda iniciou uma nova fase em sua carreira. Os paraenses que injetam groove no peso do death metal e velocidade do thrash metal se preparam para a turnê de lançamento do álbum, que já foi elogiado por publicações importantes como a revista Roadie Crew e portal Roadie Metal, Porém, compromissos particulares fizeram o baterista Carlos Cerqueira deixar o grupo que, logo em seguida, encontrou outro profissional de gabarito para assumir tal posto, André Cecim (ex-Anubis). Além de músico, André é produtor musical, fazendo-o ser velho conhecido das bandas que atuam principalmente no norte do país.

“O nosso novo baterista é o André Cecim. Ele tocou no Anubis, uma banda de thrash metal bem tradicional de Belém, da qual eu sempre fui muito fã. Tenho uma boa relação com os caras, já dividimos palco algumas vezes e sou amigo pessoal deles”, conta Carlos Nava, guitarrista e vocalista. André é proprietário Legacy Recording Studio, local onde não só o Broken & Boned deu a luz ao seu CD, como muitas outras bandas.

O grupo se prepara para a turnê de divulgação do álbum de estreia “Hypocrisy Hymns”

Divulgação


O grupo se prepara para a turnê de divulgação do álbum de estreia “Hypocrisy Hymns”

 

A inclusão do músico foi descrita pelo restante do time com satisfação. “A entrada do André foi um marco pra nossa história, além do grande amigo de todos é um excelente músico, foi uma alegria muito grande tê-lo conosco, um cara parceiro dedicado além de ter uma grande afinidade comercial, simplesmente agregando muito à Broken & Boned, grande profissional!”, elogia Lúcio de Paula, baixista.

O novo baterista que teve sua entrada na Broken & Boned oficializada no dia 8 de setembro, em Parauapebas/PA, no festival “Rock Gathering”, já está trabalhando em novas composições para o grupo. “Ele toca as músicas do CD tudo certinho, mas tem algumas a mais que já está pegando, estamos trabalhando no material novo com ele sempre, está muito bem integrado à banda, sempre estamos em contato”, completa Lúcio.

De início, André foi convidado para cumprir shows de divulgação do bebut, mas após a convivência mais aproximada, foi absorvendo a forma de trabalhar do grupo e começou a expor suas ideias, até que aceitou ficar definitivamente. “Hoje já estamos tão sintonizados, é como se ele já fosse da banda há um bom tempo… Incrível como alguém se encaixou tão rápido em nossa forma de pensar!”, exclama e encerra Nava.