Notícias

Max & Iggor Cavalera tocam clássicos do Sepultura em turnê pelo Brasil

Os irmãos Cavalera executam clássicos de Beneath the Remains (1989) e Arise (1991)

Divulgação/Abstratti Produtora


Os irmãos Cavalera executam clássicos de Beneath the Remains (1989) e Arise (1991)

Os irmãos Max e Iggor Cavalera, membros originais e fundadores da lenda do metal brasileiro Sepultura (certificada pela RIAA Gold — entidade que baliza artistas com vendas superiores a 500 mil cópias de alguma obra), voltam ao seu país de origem em 2018. A nova turnê em solo nacional é para celebrar dois clássicos da banda que os projetou entre os grandes nomes do som pesado mundial: Beneath the Remains (1989) e Arise (1991). Para executar o repertório só de composições desses dois discos, eles têm a companhia do guitarrista Marc Rizzo (Soulfly/Cavalera Conspiracy).

A dupla inicia a turnê em sua cidade natal, Belo Horizonte, berço de uma prolífica cena metálica na América Latina, e onde tudo começou para o Sepultura em 1984. No Brasil, rolam shows em outras quatro capitais (São Paulo, 03/11, e Porto Alegre, 4/11. Além da apresentação com setlist especial contemplando os registros que catapultaram o Sepultura ao sucesso, há disponibilidade de ingressos para um encontro com os músicos. Os passes para o “meet & greet” ficam à venda na banca de merchandise no dia do evento. É uma oportunidade para tirar foto com Max e Iggor e pegar a assinatura dos ídolos em cópias de qualquer formato do Beneath the Remains ou do Arise. O benefício do encontro dá direito à apenas um retrato e um autógrafo por pessoa, e somente em algum dos dois registros que a turnê promove.

Desde que começaram a se envolver com música, há mais de 30 anos, os irmãos Cavalera conquistaram, cada um, sucesso inimaginável na indústria do entretenimento. Os trabalhos atuais de Max — seja com o Soufly, Cavalera Conspiracy ou Killer Be Killed —, bem como o projeto MIXHELL de Iggor, comprovam a atemporalidade do legado da família.

Não é exagero dizer que Beneath the Remains e Arise mudaram por completo o panorama do metal nas Américas do Sul e Central, moldando, nutrindo e solidificando um cenário que permanece até hoje como um dos mais fortes do globo.