Notícias

Tim Calvert, ex-guitarrista do Nevermore e do Forbidden, morre aos 52 anos

Tim Calvert, ex-guitarrista do Nevermore e do Forbidden, morreu aos 52 anos de idade nesta segunda-feira, 30, depois de uma longa batalha contra esclerose lateral amiotrófica (ELA), uma doença neurodegenerativa fatal que causa paralisia, informou o site blabbermouth.net.
O falecimento de Tim foi anunciado por sua irmã, Vicky Calvert-Hawkins, que escreveu em um post no Facebook: “Eu e meu marido Bret (juntamente com vários médicos maravilhosos e provedores de cuidados paliativos) estamos tão honrados em termos sido os cuidadores de Tim em nossa casa, nos últimos cinco meses. Estamos incrivelmente gratos por termos tido esse tempo para passar com Tim.
“07 de novembro de 1965 – 30 de abril de 2018. Note o traço ‘-‘ nas datas. A vida é toda sobre como você vive o seu traço ‘-‘… E você, meu querido Timothy, foi fodão pra caramba, com um trabalho explosivo que dá vida ao seu traço. Bom trabalho! O músico incrível, capitão da companhia aérea, viajante do mundo, amante da natureza e dos animais, fiel torcedor do Oakland Raiders e fã do Oakland Athletics, comediante e supremo mestre guru sobre a II Guerra Mundial militar, história da aviação e memorabilia. Eu te amo, grande irmão. Saudações, até que eu te ver de novo “.
Calvert tocou em três álbuns do Forbidden – “Twisted Into Form” de 1990, “Distortion” de 1994 e “Green” de 1997 – bem como um álbum do Nevermore, “Dreaming Neon Black” de 1999.

Confira o texto em inglês na íntegra aqui.