Resenhas

Downfall of Mankind

Nervosa

8.0

A banda brasileira de thrash metal Nervosa chega ao terceiro álbum da carreira exibindo muita brutalidade e rapidez. As músicas vão direto ao ponto, com apenas três delas com mais de quatro minutos de duração.

O grupo claramente tenta deixar sua marca num gênero que tenta se reinventar a cada dia, em tempos de glória para outros estilos de metal como doom e progressivo que estão mais na “moda” e são queridinhos da mídia especializada.
O fato é que estas mulheres fazem um thrash metal de qualidade, dando luz ao gênero musical e se afastando de afetações progressivas e qualquer traço de “groove”.
A qualidade da produção é um dos pontos altos deste disco, que ainda tem espaço para influências de bandas que são referência no metal nacional, como o Sepultura, por exemplo. Isto fica muito claro na faixa “Raise Your Fist!”.
A mudança de cadência, a série de riffs selvagens e a precisão assombrosa da baterista Luana Dametto fazem valer a audição deste novo trabalho do Nervosa. Ainda vou fazê-lo com mais atenção muitas vezes para conseguir pegar todas as referências e inspirações.
Quase todas as faixas despejam suas posições políticas e ideológicas, como uma boa banda tem que se posicionar. É o que vemos em “Cultura do Estupro”, “Enslave”, Fear, Violence and Massacre”, “…And Justice For Whom?”, “Never Forget, Never Repeat”, “Kill The Silence” e “Selfish Battle”. O que mais me agrada, além da técnica e do som, é a atitude. Isso não falta a este power trio.