Resenhas

Moonglow

Avantasia

9.0

Tobias Sammet é sem dúvida um dos compositores alemães mais produtivos do heavy metal e nos entrega uma nova obra épica repleta de colaborações de luxo como de Jørn Lande (Masterplan), Ronnie Atkins (Pretty Maids), Mille Petrozza (Kreator), Hansi Kürsch (Blind Guardian), Candice Night (Blackmore’s Night), Geoff Tate (Queensrÿche), Eric Martin (Mr. Big), Michael Kiske (Helloween), entre outras.

É inegável que Sammet é extremamente talentoso e chega com esta obra, seu 8º álbum de estúdio com este projeto, que alcança todas as atmosferas que vão do rock ao metal e sabe compreender tão bem a inserção de cada diferente voz, de cada artista que ajudou na execução deste novo trabalho.
Tobias é extremamente competente e não precisaria de nenhuma voz adicional para executar as obras que estão neste trabalho mais recente, mas é tão incrível sua capacidade de reunir tantos talentos para gravá-las que acredito que este seja o ponto forte de seus discos com o Avantasia. Reunir talentos e compartilhá-los com o público.
“Moonglow” é um álbum memorável, não há muitos espaços para críticas, talvez somente para o cover da música ‘Maniac’, de Michael Sembello, que ficou ‘perdida’ e ‘deslocada’ em meio a estas composições. Não que ela tivesse ficado ruim, mas realmente não consegui entender o motivo de sua inclusão neste lançamento. Talvez deveriam tê-la guardado para uma outra ocasião.
Cabe destacar que este disco supera e muito seu antecessor “Ghostlights”, de 2016, sendo o mais consistente e maduro dos últimos anos. Os fãs do power metal e do symphonic metal talvez discordem da minha opinião, pois ele foge da fórmula antiga e não quis competir com o passado. Alcança algo novo com sua ópera rock, mas com performances absolutamente inspiradas e cheias de energia.