Notícias

Headbangers News Indica: lançamentos de rock e metal de bandas independentes

Headbangers News apresenta os melhores lançamentos de Rock e Metal das bandas independentes com um mix de músicas essenciais que você precisa conhecer. Talvez você até descubra uma nova banda preferida para adicionar na playlist. Confira todas as indicações em nossa playlist no Youtube.

 

01- Luis Oliart – “Rise Up! Fire On The Mountain”

Com a banda The Hinges, Luis Oliart compartilha sua nova música, intitulada “Rise Up! Fire On The Mountain”, que traz elementos singulares para a tensão, a frustração e uma válvula de escape que leva à esperança.

Assim que apertar o play em “Rise Up! Fire On The Mountain”, irá viajar pelos riffs do saudoso Black Sabbath, então irá se surpreender com a melodia e os vocais que trazem um toque de rock clássico à paisagem sonora. Os vocais de Oliart captam cada emoção que alimenta nossa frustração antes de direcioná-la no refrã.

Com a ajuda musical de Norwood Fisher (baixo), John Steward (bateria) e Jay O’Keefe (guitarra), Oliart (voz, guitarra) traz a esperança e o estímulo que todos nós precisávamos para a vida. Se você está se sentindo mal por causa de alguma coisa, esta é a música de que você precisa para liberar emoções negativas e enfrentar o mundo com força e determinação.

Acompanhe Luis Oliart nas redes sociais:

http://www.luisoliart.com/
https://www.instagram.com/oliartrocks/
https://www.facebook.com/luisoliartband

02- The Matterhorn Project – ‘Traveler’

A banda The Matterhorn Project compartilha seu EP de estreia, ‘Traveler’, lançado em outubro, e que apresenta uma cozinha musical maravilhosa.

Vamos ser sinceros, quando olhamos a capa deste EP não botamos muita fé, mas assim que der o play, logo de cara irá se surpreender. Os primeiros riffs são hipnotizantes, e o vocal é um talento a parte – chega a lembrar os timbres de Type O Negative e Wolfsheim . ‘Traveler’ será uma experiência altamente memorável e profundamente envolvente.

The Matterhorn Project é um projeto de estúdio solo baseado no Colorado com influências de sludge, rock progressivo, post e stoner rock e metal. Seu objetivo é pintar imagens por meio de riffs pesados, batidas implacáveis, lirismo existencial e paisagens sonoras sombrias.

Acompanhe The Matterhorn Project nas redes sociais:

https://www.facebook.com/thematterhornproject
https://thematterhornproject.bandcamp.com/album/traveler
https://www.instagram.com/thematterhornproject/

03 – Rival Karma – “Jesus Is From Chico”

O duo britânico Rival Karma compartilha seu novo single, “Jesus Is From Chico”, uma música de puro rock and roll com uma produção sublime e muita atitude.

Rival Karma se auto intitula como Ninja Rock, mas apesar de rótulos é um som potente e muito bem produzido, repleto de guitarras fuzzy sedosas e bateria de forte impacto – Aposto que os fãs de Queens of The Stone Age e Black Keys irão adorar. A história da música é sobre as lutas e confrontos que a banda tem como artistas, mais especificamente com as turnês – um ótimo debate no meio musical. Tudo fica um pouco embaçado e a dupla às vezes se pergunta: “Vale a pena”?

O single “Jesus Is From Chico” é parte de seu próximo EP ‘Powerduism’, com previsão de lançamento para o próximo ano. Rival Karma é realmente uma explosão e um projeto muito divertido. Com elogios internacionais, sua música ficou conhecida pelos solos de guitarra corajosos, um amor eterno pelos instrumentais e os vocais melancólicos para os quais ambos os companheiros de banda contribuem. Além disso, sua música é muito carregada de emoção. Se você prestar atenção nas letras, perceberá que é exatamente o caso, e os instrumentos realmente funcionam para complementá-la.

Acompanhe Rival Karma nas redes sociais:

https://www.facebook.com/rivalkarma
https://www.rivalkarma.com/
https://www.instagram.com/rivalkarma/

04- Rihards Lībietis – ‘Līnijas Un Miniatūras // Lines And Miniatures’

O músico e compositor da Lituânia, Rihards Libietis, lança seu álbum ‘Līnijas Un Miniatūras // Lines And Miniatures’. Um trabalho atraente e possível de levar o ouvinte a uma jornada inspiradora e o ajude a transcender quaisquer barreiras ou lutas.

O disco possui faixas que trazem camadas de guitarras elétricas – incluindo harmônicos que ecoam – cada uma das quais complementa as outras perfeitamente em contraponto. Conforme as melodias da guitarra se desdobram, elas são acentuadas pelos ritmos entrelaçados de vários instrumentos de percussão. Durante a audição é possível perceber sentimentos de solidão, luta e incerteza, ao mesmo tempo em que transmite uma mensagem de esperança, encorajamento e força. “Este é um projeto mais experimental em uma vibe mais ambiental / pós-rock, eu realmente espero que as pessoas encontrem algo de valor e inspiração lá”, comenta o músico.

Rihards produziu e lançou por conta própria 5 álbuns, incluindo Willful Blindness (2021), Reflections EP (2018) com colaborações com cantores populares letões e a estreia da Rihards Libietis Orchestra, Scream, Breathe, Cry (2015), que foi nomeado para o Annual Latvian Music Recording Awards 2015. Também escreve música para peças de teatro, algumas das quais foram muito aclamadas pela crítica.

Acompanhe Rihards Lībietis nas redes sociais: 

https://www.instagram.com/rihardslibietisorchestra/
https://www.facebook.com/rihardslibietismusic
https://rihardslibietis.bandcamp.com/

05 – Degenerate Era – “Cosmonaut”

A dupla de rock de Nashville,  Degenerate lanç.a o novo single “Cosmonaut”, uma música é uma espécie de hino para aqueles últimos eventos que bloquearam a humanidade em sua progressão.

“Cosmonaut” não é um som não é excessivamente pesado, mas é denso e permite várias emoções. A composição segue as melhores tradições do hard rock experimental. Arpejos de guitarra, juntamente com riffs poderosos, som cativante e oscilações rítmicas transmitem o ruído da melodia de um mundo perdido. Os vocais são limpos e fortes, soam suaves e calorosos nos versos e sobem nos refrões, repetindo o refrão dos slogans dos hinos.

Degenerate Era explora principalmente a estética do metal alternativo, mas também incorpora alguns outros gêneros ao longo do caminho. Além do metal alternativo, você pode topar com o pós-metal, o pós-rock, o rock progressivo, o rock matemático e o ambiente cinematográfico – em alguns momentos lembram o som do Anathema, talvez seja pelas linhas de guitarra.

Acompanhe Degenerate Era nas redes sociais: 

https://www.facebook.com/DegenerateEraTN/
https://www.instagram.com/degenerate_era/

06 – Andreww – “Surprise”

O artista em ascensão Andreww retorna com seu novo single estelar “Surprise”, conduzindo seu som de rock alternativo que distorce o gênero em uma nova direção e totalmente intrigante.

“Surprise” chega com videoclipe cinematográfico que irá te prender até o fim. Com linhas vocais suaves que seguem riffs de guitarra, a música é cativante e com muitos sentimentos. Vocais viciantes e uma batida ora pop, ora indie rock.

Andreww diz sobre seu novo lançamento: “À medida que estou envelhecendo, estou pensando mais na noção de tempo e se você não for cuidadoso, os dias se transformam em meses e os meses se transformam em anos e, antes que você perceba, você não foi parte de sua própria vida. Em relação ao som da nova música, eu queria tentar algo um pouco diferente, mas ainda assim ter certeza de que tinha o meu som característico e eu realmente acho que conseguimos fazer isso”.

Acompanhe Andreww nas redes sociais: 

https://www.facebook.com/andrewwbambi/
https://www.instagram.com/andreww_bambi/