Notícias

Manger Cadavre? comemora 10 anos com lançamento de studio session inédita

A banda Manger Cadavre? acaba de disponibilizar três sons ao vivo no YouTube gravados no AS Studios para o quadro Black Room Sessions em comemoração aos 10 anos da banda completados agora em novembro. ‘Em Memória’, ‘A Raiva Muda o Mundo’ e ‘Tragédias Previstas’, todas faixas do novo disco Decomposição, ganharam vídeos especiais.

Nascida em São José dos Campos, no interior de São Paulo, Manger Cadavre? passou a ser reconhecida pela qualidade de seus trabalhos e se tornou sinônimo de resistência enquanto banda independente no cenário da música pesada brasileira. Para virar a primeira década de vida, acaba de lançar o álbum Decomposição e também assinar com o selo Bloodblast, subsidiária da gravadora alemã Nuclear Blast para distribuição digital da obra.

Manger Cadavre? conquistou também o papel de expoente no rol das vozes femininas de metal extremo sob comando de sua cofundadora, vocalista e compositora Nata Nachthexen. Passando por uma troca recente de membros, hoje a banda é formada também pelo fundador Marcelo Kruszynski (bateria), Paulo Alexandre (guitarra) e Bruno Henrique (baixo).

Em Decomposição, que conta com faixa com participação especial de Fernanda Lira (Crypta) e Caio Augusttus (Desalmado) Manger Cadavre? manteve sua essência hardcore mas dessa vez levando a sonoridade para os rumos do death crust.

Decomposição gira em torno de dois pontos centrais de reflexão: pensamentos sobre a existência e outra camada que aborda em tom crítico assuntos como a pandemia. Tem um clipe lançado no YouTube da música Apatia, título inspirado na melancolia, que, no século XIX era tida como o mal do século e chamada de Doença dos Olhos Vazios.

O trabalho é um lançamento conjunto dos selos Xaninho Discos, Poeira Maldita Recs, Helena Discos, Brado Distro, Two Beers or Not Two Beers Records e Tiranossaura Recs e com distribuição digital Blood Blast.

Manger Cadavre? – um questionamento em francês para “Comer Cadáver?” – luta pelo fim de todos os tipos de exploração. Com letras a partir do recorte de classe, faz um hardcore com influências do crust, extremamente politizado. A banda, que teve início em 2011 tem na discografia os singles, splits e álbuns ‘Existimos’, ‘Sua Justiça’, ‘Origem da Queda’, ‘Limbo’, ‘Senhores da Moral’, ‘Revide’, ‘AntiAutoAjuda’ e ‘Inflamar’.

Manger Cadavre? já se apresentou em grandes festivais nacionais como Setembro Negro, Oxigênio Festival, Abril Pro Rock, entre outros e percorreu todas as regiões do Brasil.

 

Formação:

Nata Nachthexen – Vocal

Marcelo Kruszynski – Bateria

Paulo Alexandre – Guitarra

Bruno Henrique – Baixo

 

Siga Manger Cadavre?

YouTube – https://youtu.be/qlMLuEmeYtY

Bandcamp: http://mangercadavre.bandcamp.com

Deezer: http://www.deezer.com/album/95256392

Spotify: https://spoti.fi/2V7QO1V

Facebook: https://www.facebook.com/mangercadavre

Instagram: https://www.instagram.com/mangercadavre

Twitter: http://www.twitter.com/mangercadavre