Notícias

Scars lança lyric video “Ancient Power”

Aproveitando a boa fase e as excelentes críticas perante seu mais recente trabalho de estúdio, “Predatory”, a banda thrash paulistana SCARS lança um novíssimo lyric video, e a faixa escolhida foi a rifferama potente super influenciada pelo Thrash Metal da Bay Area, “Ancient Power”.

“Ancient Power” é o terceiro single extraído do álbum “Predatory”, sendo que o primeiro foi para a faixa título (que também possui um lyric video e um videoclipe) e o segundo para “Sad Darkness Of The Soul” (com videoclipe), todos disponíveis no canal oficial da banda no YouTube.

Todos os músicos do SCARS comentaram sobre “Ancient Power”, curiosidades, letra, influências e processo de composição, bem como todas as faixas de “Predatory”, com exclusividade para o site Metal Na Lata. Confira esse e os demais comentários em: https://bit.ly/3ms00rr

Desde o retorno oficial das atividades do SCARS, em 2018, a expectativa por material novo era grande não só por parte dos fãs do quinteto paulistano, como também para os próprios músicos que mergulharam de cabeça nessa volta.

Essa espera não demorou muito e dois novos singles, “Armageddon” e “Silent Force”, ambos produzidos por Wagner Meirinho (Warrel Dane, Torture Squad) foram lançados em 2019, saciando pelo menos um pouco a ansiedade de todos até um tão esperado sucessor de grandes trabalhos do passado, como “The Nether Hell” (EP/2005) e “Devilgod Alliance” (2008). Alguns percalços surgiram na posição de guitarrista solo até a entrada definitiva de Thiago Oliveira (Warrel Dane, Confessori), fazendo com que Régis F. (vocal), Alex Zeraib (guitarra base), Marcelo Mitché (baixo) e João Gobo (bateria) formassem juntos uma grande unidade para o que viria a seguir.

“Predatory”, mais recente trabalho, vem sendo aclamado pela crítica especializada como um dos melhores lançamentos do ano. Também produzido, mixado e masterizado por Wagner Meirinho, “Predatory” contém 11 faixas, sendo 9 totalmente inéditas e os dois singles de 2019 como extras, que resgatam as principais influências baseadas no tradicional Thrash Metal americano. Riffs marcantes e rasgados, vocais brutais, solos extremamente técnicos, uma cozinha de muito peso, tudo isso somado a temáticas fortes relacionadas a desenfreada matança de animais, violência, depressão, guerra, religião e tudo que destrói nosso mundo contemporâneo em todos os sentidos, mas sem ser classificado como álbum conceitual já que não existe ligação entre as faixas.

“Predatory” foi lançado em agosto via Brutal Records (EUA e Canadá), Proper Music (Europa) e Voice Music (Brasil).

Continua depois da publicidade