Notícias

Septicflesh anuncia o lançamento do DVD ‘Infernus Sinfonica MMXIX’

A banda grega de death metal sinfônico Septicflesh lançará sua performance ‘Infernus Sinfonica MMXIX’ em Blu-ray e DVD. O concerto completo foi gravado em fevereiro de 2019 durante um show com ingressos esgotados no Metropolitan Theatre na Cidade do México. A noite inesquecível foi a maior produção do gênero no local, que incluiu a banda, mais de 100 músicos da Symphonic Experience Orchestra, do Enharmonía Vocalis Coral e da Universidade Nacional do México para Crianças e Jovens.
O DVD Blu-ray está programado para lançamento mundial em 31 de julho de 2020 via Season of Mist e a pré-venda está disponível AQUI.

Tracklist:
1. Intro
2. Portrait of a Headless Man
3. Martyr
4. Prototype
5. The Pyramid God
6. The Enemy of Truth
7. Communion
8. The Vampire from Nazareth
9. Dogma of Prometheus
10. Lovecraft’s Death
11. Dante’s Inferno
12. Persepolis
13. A Great Mass of Death
14. Anubis
15. Dark Art

O grupo comentou o lançamento: “No dia 2 de fevereiro de 2019, um show histórico do Septicflesh aconteceu na Cidade do México em um Metropolitan Theatre lotado. Pela primeira vez e com a ajuda de mais de 100 músicos, nossas canções foram tocadas ao vivo em toda a glória sinfônica. Todo o show foi gravado e agora é hora de apresentá-lo a todos os nossos fãs em um DVD / Blu Ray 5.1 intitulado ‘Infernus Sinfonica MMXIX’, que será lançado pela Season of Mist. Somos gratos a todas as pessoas que tornaram possível essa experiência e sucesso!”

Carlos Pupo/Headbangers News

O Septicflesh está pintando uma visão apocalíptica e faz uso total de sua impressionante paleta musical composta por death metal e toques orquestrais em seu décimo álbum, ‘Codex Omega’.

Do seu EP ‘Temple of the Lost Race’, lançado um ano após sua fundação em 1990, os músicos gregos ultrapassaram os limites do metal e continuaram a explorar um novo caminho sonoro a cada lançamento do álbum de estreia ‘Mystic Places of Dawn ‘(1994) até o impressionante ‘Sumerian Daemons ‘(2003), que foi reeditado ppela Season of Mist.

No entanto, o grupo havia claramente assumido seu próprio som ao lançar seu célebre álbum de retorno após um hiato de cinco anos que recarregava suas baterias artísticas. ‘Communion’ (2008) ofereceu uma amálgama bem equilibrada de elementos metálicos que eram livremente retirados do lado mais sombrio do gênero, incluindo Death, Dark e Gothic Metal com arranjos épicos de orquestra. Essa excelência sinfônica foi baseada no guitarrista Christos Antoniou, trazendo os frutos de seus estudos acadêmicos de composição clássica, que ele passou com honras e distinções.

Carlos Pupo/Headbangers News

Com uma bússola musical clara para navegar, o Septicflesh continuou a explorar o som e as possibilidades de composição desse novo continente de metal. ‘The Great Mass’ (2011) e ‘Titan’ (2014) mostraram que os gregos estavam evoluindo em alta velocidade e, ao mesmo tempo, reunindo adeptos e elogios cada vez maiores da crítica. As turnês prolongadas nos dois lados do Atlântico e as apresentações em quase todos os festivais importantes consolidaram ainda mais o status crescente da banda.

Embora o ômega bíblico marque o fim, o Septicflesh, pelo contrário, atingiu seu pico atual com o ‘Codex Omega’ (2017), um álbum que testemunha claramente que os visionários gregos chegaram à maturidade e à habilidade de especialistas em todos os sentidos.

Stella Mouzi/Season of Mist

Formação:
Seth Siro Anton: vocais, baixo
Christos Antoniou: guitarra, orquestração
Sotiris Anunnaki V: vocais limpos, guitarra, guitarra de 12 cordas
Kerim “Krimh” Lechner: bateria

Continua depois da publicidade