Resenhas

Force Of Danger

Kryptos

9.0

Confesso que ao saber da banda indiana Kryptos e de sua trajetória, só tenho a lamentar de não tê-la conhecido antes. O grupo formado em 1998 apresenta em seu sexto álbum de estúdio "Force Of Danger" uma sonoridade old school da mais alta qualidade.

Segundo o próprio encarte da versão nacional, o grupo foi o primeiro da Índia a tocar no famoso Wacken Open Air da Alemanha, em sua edição de 2013. O álbum está disponível no Brasil graças a uma parceria entre o selo alemão AFM Records e a gravadora brasileira Shinigami Records.

Já adianto, não temos músicas ruins aqui. Headbangers que curtem um som mais tradicional, podem comprar este álbum sem medo de errar. É diversão garantida!
As músicas são todas curtas e diretas, cheias de riffs destruidores que vão fazer você invariavelmente balançar sua cabeça.

As harmonias são simples, mas muito cativantes e realmente parecem terem saído de uma banda estelar dos anos 80. Os guitarristas Rohit Chaturvedi e Nolan Lewis estão de parabéns, tudo soa muito sólido e brilhante, apesar do aparente despojamento nas composições.

Minha única crítica é que o álbum é demasiadamente curto para os padrões atuais, tem aproximadamente 35 minutos. Fiquei de fato com aquela sensação de “quero mais”, mas talvez isso faça um álbum ser realmente bom e crie uma expectativa no ouvinte. Eu apertei o botão “repeat” do meu aparelho mais de uma vez pra curtir esta obra.

Para quem acusa o metal de estar acabando, o Kryptos vem para contrariar esta teoria. Uma banda que promete e merece alçar voos mais altos, tocando uma mistura de thrash com metal tradicional que atingiu em cheio o meu gosto pessoal.

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do site Headbangers News e é de responsabilidade de seu autor.