Resenhas

Resonus

Resonus

8.0

Com riffs funky, grooves ricos e solos agridoces, o duo Resonus está acertando o alvo com seu EP de estreia, autointitulado. 'Resonus' é uma viagem emocionante para quem sente falta da complexidade musical e do jazz, rock e soul em um só lugar. Os instrumentais são um lembrete de que a arte pura é criada nas sombras, e você precisa estar em busca de música verdadeira para encontrá-la.

Os porto-riquenhos do Resonus, trazem um sensacional conjunto de oito canções repletas de uma biblioteca de riffs, com influências de jazz e canções de rock que se concentram ocasionalmente na singularidade superior dos instrumentos , onde a química é inegável e impecável.

Este trabalho passeia por diversos estilos, desde punk até riffs de guitarra no estilo de rock mais pesado, no entanto, tudo é calcado no Jazz. O espírito e musicalidade da banda é seu diferencial, que entrega um disco multifacetado e muito bom de ouvir.

Resonus pode agradar os amantes do jazz, que não são fáceis de agradar. “Somos muito inspirados por bandas como Snarky Puppy, cujo público não necessariamente gosta de jazz tradicional, mas pode apreciar o que está acontecendo no palco ou através de seus fones de ouvido e alto-falantes!”, comenta a banda.

Formação:

Jon Santos (bateria)
José Blondet (guitarra)
Enoc Hernandez (teclados e sintetizadores)
Manuel Rdoriguez (baixo)

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do site Headbangers News e é de responsabilidade de seu autor.