Resenhas

From Hell With Love

Beast in Black

6.5

From Hell With Love (2019), da banda Beast in Black, é uma combinação de heavy e power metal em ritmo moderado, com pesadas doses de glam rock e euro pop. Em diversas ocasiões fiquei confuso em definir se estava ouvindo um disco de metal ou de pop, dada a mistura feita neste disco. Algumas coisas funcionam bem, outras nem tanto.

Posso dizer que eles tem coragem em realizar uma retomada oitentista em meio a este chato mundo do “true metal” de hoje em dia. Arriscam tudo sem se preocuparem com a questão do mercado, tocando com paixão o que realmente gostam de compor.
Feitas estas observações, é hora de entender a história por trás de álbum. Beast in Black é uma banda formada pelo ex-guitarrista do Battle Beast, Anton Kabanen, após sua saída do grupo em 2015. Antes deste disco, eles lançaram Berserk (2017) que foi muito bem aceito pela crítica. O desafio neste segundo álbum era evidente, essa fórmula totalmente derivada poderia ser mais divertida, pena que o registro deste álbum parece confuso.
“Cry Out For A Hero” é uma excelente faixa de metal pesado; sua combinação de fortes riffs de power metal e versos marcantes ficam no seu subconsciente. Assim como “No Surrender”, a segunda melhor faixa do álbum e que parece uma amostra realmente divertida do hype pop metalizado dos anos 80.
Sinto-me enganado, porque se o álbum “From Hell with Love” tivesse conseguido manter esse nível de qualidade, seria um dos melhores discos lançados ano passado. Mas não é isso que acontece, infelizmente.
O restante soa extremamente clichê, é algo flagrantemente comercial. Quem viveu nos anos 80 como eu, juraria que o ouviu algumas destas músicas em um filme de ação brega na Sessão da Tarde.

Obs: A bonus track “Killed By Death”, cover do Motorhead, me fez subir o conceito do álbum.