Resenhas

Cold Light of the Horizon Dawning

Coldwinter

8.0

Lançado a partir da parceria entre Anaites Records e a Eclypsis Lunarys Productions, "Cold Light of the Horizon Dawning" é o álbum de estreia da banda nacional Coldwinter. Uma bela edição em slipcase, com pôster e limitada a 300 cópias.

“Cold Light of the Horizon Dawning” foi gravado em 2017, mas devido a problemas com a gravadora que iria lançar o material, resolveram lançar na época em formato digital. Com o material físico em mãos, admiro o encarte enquanto escuto as 11 faixas que apresentam um atmospheric black metal com nítidas influências de doom metal.

Formado em 2015, Coldwinter começou em São Paulo como um projeto One Man Band pelo vocalista Aleske. Após a formação guitarra/bateria/baixo, a banda se transformou e conseguiu criar músicas intensas e bem orquestradas.

Tenho em mãos um trabalho interessante, um som sombrio e melancólico vagando por uma atmosfera que lembram trabalhos mais recentes de umas das bandas que mais gosto, Katatonia. Também lembra o trabalho do one man band brasileiro Deep Memories.

“Cold Light of the Horizon Dawning” traz um sentimento de solidão, como se estivesse no local frio e deserto, um disco que simboliza toda uma áurea de solidão, mal presságio e angústia. Temas perfeitos para amantes de atmospheric black metal.

Faixas:

1. Intro. {Act I}
2. Before Dawn To Darkness
3. Embracing My Funeral
4. The Solitude of Eternity
5. Thunderstorm {Snowstorms}
6. When The Storm Gives Way To The Darkness
7. Forgotten Dreams
8. The Forest Calls My Name
9. Nothing Will Stop Me Now
10. The Eagle Flying Over The Sky
11. Songs From The Earth {Part I}

Formação:
Aleske (vocal)
Junior Pascoal (bateria)
Thiago Lima (guitarra, baixo, teclado)
Ed. Krieger (guitarra, baixo, teclado, vocal)

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do site Headbangers News e é de responsabilidade de seu autor.